Vale do Loire – Castelo de Amboise

O castelo ou ” Chateau” de Amboise é um dos importantes castelos do vale do Loire, localizado as margens do rio Amboise, na cidade de Amboise. Sua construção foi iniciada na idade média, no século V, tendo seu desenvolvimento maior no século XI, pelo conde D’Anjou, ancestral da família Amboise. Pertenceu a família Amboise até…

Vale do Loire – Castelo de Chenonceau

Continuando nossas peripécias pelo Vale do Loire, o tema do presente post será sobre o Chateau de Chenonceau. Também conhecido como ” Castelo das Sete Damas”, devido a história das sete mulheres notáveis que habitaram-no, esse elegante castelo fica localizado ao sul do distrito de Chambord, e faz parte dos castelos imperdíveis a ser visitado…

Vale do Loire – Castelo de Chambord

O Vale do Loire é, sem sombra de dúvida, o resumo de tudo o que representa a França para o mundo, a sofisticação e elegância dos seus castelos, a língua francesa, os queijos e os vinhos, o deslumbre da art décor, a jardinagem perfeita dos jardins dos castelos, enfim… tudo que representa a cultura francesa…

Antuérpia – A cidade dos diamantes e das pinturas de Rubens

Antuérpia é uma cidade belga, de cerca de 500mil habitantes, a segunda maior da Bélgica, depois de Bruxelas, conhecida internacionalmente pelo comércio de diamantes, sendo um dos principais pontos de comercialização a lapidação das pedras, além de abrigar um dos maiores portos da Europa, banhado pelo Rio Escalda. Fica localizada ao norte de Bruxelas, na…

Bruxelas e suas delícias: as fritas, o chocolate e a cerveja belga

Bruxelas é uma delícia… Como toda Bélgica. Simplesmente os melhores chocolates, cervejas e fritas estão lá! Então, tá!! Vamos a eles. Essas são nossas dicas de onde aproveitar cada uma dessas delícias. A La Mort Subite Excelente bar para provar cervejas do tipo lambic ou gueuze. A história do bar é pitoresca. Em 1910, o…

Bruxelas – A capital da Europa, terra de Tintim e dos Smurfs

Bruxelas é a sede da União Européia, capital da Bélgica, e uma cidade onde dois idiomas são falados: o flemish (o flamengo), resultado da colonização flamenga, ao norte, e o francês, ao sul, resultado da colonização francesa e valã. Pode-se ver e ouvir esses dois idiomas nas linhas de metrô, nas placas de sinalização, nas…

Budapeste – A pérola do Danúbio

A fantástica Budapeste surpreende em todos os ângulos, dada a sua beleza e imponência de suas construções. Arredores de Városliget A região de Várolisget (parque da cidade) é uma das mais arborizadas e amplas de Budapeste. Aqui há uma infinidade de cafés, bistrôs e construções neoclássicas. Praça dos Heróis Essa praça abrigava as manifestações comunistas…