PRAGA – A cidade gótica das “Cem Torres” e do fantástico mundo de Franz Kafka

A capital da República Tcheca é por si só uma cidade fantástica. Gótica no sentido mais amplo da palavra, daí vem o seu título das “Cem Torres”, misteriosa, cidade dos alquimistas, cidade do reformador cristão Jan Hus, berço de Franz Kafka e de toda sua literatura fantástica e non-sense, e que, apesar de ser Tcheco, escrevia em alemão.

IMG_2723

A cidade de Praga começou a prosperar no século X, com um mercado ao ar livre (a atual praça da cidade velha) e duas cidadelas (castelo de Praga e Vysehrad). Em 935, o príncipe Venceslau, ” o rei bom” e um dos principais idealizadores da cultura boêmia, foi assassinado pelo irmão Boleslau. Venceslau foi canonizado e se tornou o santo padroeiro mais conhecido dos tchecos.

Na idade média, Praga era um importante centro cultural europeu, sob o reinado de Carlos IV, imperador do Sacro Império, tornando-se maior que Londres e Paris. Carlos estimulou e construção da primeira Universidade da Europa Central, a Universidade de Praga. Um dos primeiros reitores thecos foi o reformista Jan Hus, que pregava na capela de Belém, em Praga, tanto para nobres, quanto para os mais humildes. Ele pregava o ideal da pobreza e condenava o patrimônio terreno dos príncipes da Igreja. Defendia a autoridade da consciência e tentava aproximar a Igreja do povo, através das pregações. E isso não era tudo: as suas pregações eram feitas na língua tcheca e não em latim, como determinava a Igreja oficial na época. Foi acusado de Heresia e queimado em praça pública em 1415. A sua morte causou as famosas guerras Hussitas, quando a população tcheca se rebelou contra o poder da Igreja Católica.

IMG_2099

Monumento a Jan Hus na praça da cidade velha, no local em que foi queimado vivo.

Praga depois foi dominada pela dinastia dos Hapsburgos e pertencia ao Império Austro-Húngaro durante o século XIX. Durante o conturbado século XX, a República Tcheca foi anexada pelos alemães durante a segunda guerra mundial, com o Holocausto dos Judeus muito proeminente no país. Com o fim da Guerra, A República Tcheca tornou-se uma república socialista, chamada de Tchecoslováquia, e era subjugada pela antiga União Soviética. Em 1989, com a Revolução de Veludo, o dramaturgo Vaclav Havel liderou a cisão da antiga Thecoslováquia, instaurando a democracia, e retomando a Antiga República Theca.

Para melhor visitar Praga, devemos dividi-la em 5 áreas, a ver: 1) Cidade Velha; 2) Bairro Judeu; 3) Castelo de Praga e HRADCANY; 4) Malá Strana e 5) Cidade Nova. Devido ao tamanho de atrações da cidade, dividiremos em 3 posts, a fim de esmiuçar os conteúdos adequadamente.

Praga é uma cidade em que as atrações turísticas podem ser todas feitas a pé. Não há necessidade de grandes deslocamentos. O ideal é se hospedar em hotéis próximos a Cidade Velha ou Malá Strana, próximo a todas atrações turísticas.

Apesar de ter entrado para a União Européia em 2004, a República Tcheca não adotou o euro, sendo a coroa tcheca a moeda local. O ideal é levar euros e fazer a conversão para coroas tchecas nas casas de câmbio da cidade. Trocar a moeda diariamente é melhor do que trocar tudo de uma vez. Lembre-se de que o euro será aceito em praticamente toda a Europa, ao passo que a coroa tcheca não.

1 – CIDADE VELHA

É o ponto de partida para a viagem em Praga. O coração da cidade, com sua praça central que existe desde o século X. Logo no centro da praça há o monumento a Jan Hus e sempre feiras com comidas típicas da região da boêmia.

IMG_2134

Portão da Pólvora

Este portão foi inaugurado desde o século XI, sendo uma das 13 entradas da cidade velha. Recebeu esse nome por ser usado no século XVII para guardar pólvora.

IMG_2133

Igreja de Nossa Senhora Diante de Tyn

Essa igreja apresenta uma fachada monumental, que marca a cidade velha. Sua construção foi iniciada em 1365 e logo a associaram ao movimento reformista boêmio, o Hussita. Foi a principal igreja Hussita da cidade durante os séculos XVI e XVII.

IMG_2121

O rei Hussita Jorge de Podebrady mandou colocar um cálice de ouro na fachada da igreja, símbolo hussita. Em 1621 o cálice foi fundido e substituída pela imagem de Nossa Senhora. A igreja ainda é mais linda vista a noite.

IMG_3047

IMG_3093

O interior da igreja abriga um belo portal decorados com cenas da Paixão de Cristo. Também há esculturas em estilo gótico do Calvário. O astrônomo Tycho Brahe está enterrado nessa igreja. Importante astrônomo que estudou as fases da Lua e do planeta Marte, deixando as bases para que Kepler publicasse as Leis de Kepler, sobre os movimentos dos planetas.

Igreja de São Tiago (Kostel sv. Jakuba Vetsího)

Construção gótica que data de 1232, era um mosteiro franciscano.  Apresenta uma fachada barroca em seu interior, com o túmulo do conde Vratislav de Mitrovice, do escultor Fernand Brokof, considerado um dos mais bonitos da boêmia. A lenda é de que o conde foi enterrado vivo por engano, mais tarde seu cadáver foi encontrado sentado no túmulo.

st_james_prague

james_c_p

O aspecto horripilante da igreja encontra-se acima da entrada, no lado direito, há um antebraço mumificado exposto há séculos. Dizem que um ladrão tentou roubar as jóias de Nossa Senhora que estavam no altar, mas ela lhe agarrou o braço com tanta força que tiveram que amputá-lo. O antebraço ficou exposto como uma lembrança aos futuros ladrões.

curiosidades-sobre-praga-1

Igreja de São Nicolau

Existe desde o século XII, era o principal ponto de encontro dos moradores na cidade velha, até a conclusão da igreja de Tyn. Depois de 1620, passou a ser um mosteiro beneditino. Apresenta um impressionante fachada branca, com estátuas de Antonin Braun.

IMG_2107

A nave guarda um imenso candelabro em forma de coroa. Hoje em dia é uma igreja Hussita, e um popular local de concertos.

IMG_2127

Prefeitura da Cidade Velha e o Relógio Astronômico

Um dos prédios mais impressionantes de Praga, foi criado em 1338, pelo rei João de Luxemburgo, nomeando-a sede do poder local. É composta por vários prédios góticos e renascentistas.

IMG_2184

Em frente a essa prefeitura foram realizadas as execuções dos 27 líderes Hussitas, anti-Hapsburgo em 1621. Isso desencadeou a batalha da montanha Branca, causando a fuga dos protestantes da cidade.

IMG_2141

O relógio astronômico foi construído em 1490 pelo relojoeiro-mestre Hanus. A obra-prima desse relógio foi tão exuberante que após a execução da obra, os conselheiros o cegaram para que ele não a recriasse em qualquer outro lugar.

IMG_2142

Cada vez que os ponteiros marcam a hora cheia, a Figura da Morte, o esqueleto a direita puxa a corda, e inicia-se a procissão dos 11 apóstolos e São Paulo, guiados por são Pedro. No final da apresentação, o galo canta e o relógio bate a hora. O Turco mexe a cabeça, a Vaidade admira-se em um espelho e o Judeu representa a Avareza. A morte é que conta as horas da nossa vida, já que é a nossa única certeza.

IMG_4070

Ao imaginar o universo, o relojoeiro colocou a Terra no centro e os astros a sua volta. Seu objetivo não era criar  um relógio com a hora exata, mas sim que reproduzisse as supostas órbitas do Sol e da Lua ao redor da Terra, como era a crença na época. O Relógio também mostra o movimento do Sol e da Lua pelos 12 signos do zodíaco, que eram muito importantes na Praga do século XV.

IMG_3623

O relógio é ainda mais intrigante durante a noite…

Capela de Belém

Nessa Capela austera, criada em 1391, o reformista Jan Hus pregava, atraindo inúmeros seguidores. Hus condenava a corrupção da Igreja, afirmando que as escrituras deveriam ser a única fonte da Doutrina.

IMG_2188

IMG_2195

Teatro dos Nobres

Construído pelo Conde Nostiz em 1783, este teatro de ópera é um dos melhores exemplos da elegância neoclássica de Praga. Trata-se de um ponto de convergência de fãs de Mozart. A ópera Don Giovanni estreou aqui em 1787, pelo próprio compositor.

IMG_3641 IMG_3643

Praça da Cidade Velha: Lado Sul

Uma sucessão de casas românticas e góticas, cheias de cores e histórias. O quarteirão entre as ruas Celetiná e Zelezna apresenta vários cafés, lojas e casas históricas. A Casa Storch é um prédio renascentista, com a fachada de São Venceslau a cavalo, feita no final do século XIX.

IMG_2231

Numa dessas casas viveu Franz Kafka (1883-1924), um dos escritores mais importantes do século XX, autor de O Processo, A Metamorfose O castelo. Poucas de suas obras foram publicadas em vida, sendo a maioria delas publicadas por um amigo após a sua morte.

IMG_2220 IMG_2216

Não deixe de provar um Trdlo, um delicioso doce theco encontrado em todos os lugares da cidade. Feito a partir de uma massa sovada, coberta com açúcar, canela e nozes picadas, ele é assado em cilindros de madeira.

IMG_2230

Klementinum

Fundado pelos Jesuítas, a convite do Imperador Ferdinando I, fundaram essa igreja no Mosteiro de São Clemente e fundaram uma universidade, chamada Klementinum, para rivalizar com a universidade Hussita Carolinum. Com essa universidade os Jesuítas se apoderaram do monopólio da educação superior em Praga a partir do século XVII. Hoje em dia funciona como biblioteca da Universidade de Praga e biblioteca Nacional.

4b42cb604f2d52f91b2749428d187b3d

É possível visitar a biblioteca e a capela. Também vale a pena assistir um concerto na bonita capela dos Espelhos. Os ingressos podem ser adquiridos no dia da apresentação.

392cde4b2aa47b3f37caec261b3c8242

2) Bairro Judeu

Chamado de Josefov, o bairro Judeu era o gueto Judaico, de duas comunidades judaicas: a dos judeus vindos do Ocidente, e os do Império Bizantino. Fica ao lado da Cidade Velha. Apresenta uma série de Sinagogas e lendas, que merecem ser visitadas, uma a uma. Dada a grandiosidade dessas sinagogas e as lendas que cercam esse bairro, será tema de um post específico sobre a Lenda do Gollem e O bairro Judeu.

IMG_4106

O escritor italiano Umberto Eco escreveu um livro chamado O cemitério de Praga, dada a importância mítica e histórica dessa região, ainda mais com a história do Gollem de Praga e do rabino Low.

3) Castelo de Praga e HRADCANY

A história de Praga começou aqui, com a fundação de uma cidadela do século IX pelo príncipe Borivoj. Com posição elevada acima do rio Vlstava, o Castelo tornou-se o centro da Boêmia. O complexo abriga um palácio, três igrejas e um mosteiro. É considerado o maior castelo do Mundo. O povoado em volta é chamada HRADCANY. Desde 1918 é a sede do governo Tcheco.

IMG_2522

Os portões do Castelo são coroados por estátuas Gigantes em Luta, de Ignaz Platzer, no século XVIII.

IMG_2839

IMG_2838

Catedral de São Vito

Sua construção iniciou-se em 1344, por João de Luxemburgo. A conclusão da obra aconteceu no século XIX e início do século XX. A catedral guarda as jóias da coroa e o túmulo do “bom rei” Venceslau, assassinado pelo próprio irmão.

IMG_2863

O Coro foi construído por Peter Parler em 1372. A altura da abóbada impressiona, com seu complexo rendilhado gótico.

IMG_2871

Entre os vitrais da Catedral encontram-se exemplares de Alfons Mucha, entre eles São Cirilo e São Metódio.

IMG_2872

O portal Dourado até o século XIX era a entrada principal da Catedral, ainda usada em ocasiões especiais. Seu mosaico o Juízo Final, foi feito por artesãos venezianos no século XIV.

IMG_2893

O Túmulo de São João Nepomuceno feito em prata maciça em 1736 é um dos destaques, esse santo passou a ser cultuado na contra-reforma.

IMG_3158

A Capela de São Venceslau apresenta afrescos góticos com cenas da bíblia e da vida dos santos em suas paredes.

IMG_3163

Antigo Palácio Real

IMG_3169

Parte do castelo de Praga desde sua fundação, é um palácio românico erguido por Sobeslau I. Destaque para o salão Vladislau, erguido por Vladislau II.

IMG_3185

Nessa sala em 1618 houve  a defenestração, onde em 23 de maio a população protestante invadiu o palácio e atirou das janelas os dois governadores católicos indicados pelo imperador Ferdinando. Tanto Jaroslav Martinic, como Vilém Slavata sobreviveram a uma queda de 15 metros, mas o fato assinalou o início da guerra dos Trinta Anos.

IMG_3186

Basílica e Convento de São Jorge

Fundada pelo príncipe Vratislau no século X, antes da construção da Catedral de São Vito, é uma das igrejas românicas mais preservadas de Praga. Santa Ludmila, viúva do príncipe Borivoj está enterrada nessa igreja. Essa santa foi avó do Rei Venceslau, um dos mais cultuados pelos tchecos, dada sua importância na formação do legado boêmio.

IMG_3211

Ludmila se tornou a primeira mártir cristã da Boêmia, ao ser estrangulada a mando da nora Drahomíra, enquanto rezava ajoelhada. Durante a idade média o convento e a basílica eram o coração do complexo do Castelo.

IMG_3214

Viela Dourada

Recebeu esse nome porque aqui moravam os ourives do século XVII. Várias casas coloridas enfileiram-se dentro dos arcos das muralhas do Castelo. No século XIX, a área empobreceu e se tornou reduto de miseráveis e criminosos. Na metade do século XX a área foi desalojada e restaurada, recuperando o aspecto inicial.

IMG_3239

A Casa mais conhecida é a azul de número 22, que pertenceu a Franz Kafka entre 1916 e 1917.

IMG_3227

Essa vila também inspirou lendas sobre alquimistas que viveram nessa região, na tentativa de produzir ouro para o Rodolfo II. A casa de número 20 é a mais antiga e a que mais conservou a aparência inicial.

IMG_3237

Torre Dalibor

Essa torre do século XV foi erguida por Vladislau II e serviu como prisão. Recebe esse nome devido ao seu prisioneiro mais famoso Dalibor de Kozojedy, jovem cavaleiro condenado a morte por abrigar servos fugidos. Enquanto esperava sua sentença ficou preso em um calabouço subterrâneo.

IMG_3275

De acordo com a lenda, Dalibor aprendeu a tocar violino na prisão. Pessoas solidárias vinham ouvi-lo tocar e lhe davam comida e bebida pela janela com auxílio de uma corda – geralmente deixavam os prisioneiros morrer de fome. O compositor Smetana escreveu uma ópera chamada Dalibor. Segundo os mitos de Praga, até hoje as pessoas ouvem Dalibor tocar seu violino durante a noite.

IMG_3271

Palácio Sternberg

Esse museu foi fundado por Franz Josef Sternberg em 1796, juntamente com nobres solidários, que doaram esculturas e pinturas para o local. Desde 1949 abriga um interessante acervo de arte européia na Galeria Nacional.

IMG_3278

Destaque para as obras Cabeça de Cristo, de El Greco, Sábio no Estúdio de Rembrandt e O Martírio de São Tomás de Rubens.

Mosteiro Strahov

Fundado em 1140 pela ordem dos premonstratenses, o mosteiro chegou a rivalizar em tamanho com o trono theco. Esse importante mosteiro se destaca pela sua famosa biblioteca, nas salas de Teologia e Filosofia, com mais de 800 anos. A biblioteca histórica está entre as mais belas do mundo e conserva mais de 200 000 volumes entre os quais três mil manuscritos.

A Igreja de Nossa Senhora apresenta 12 pinturas sobre a vida de São Norberto, fundador da ordem dos premonstratenses.

IMG_4144A Sala de Filosofia apresenta em seu teto o afresco “A luta da humanidade para conhecer a verdade”, de Franz Maulbertsch, de 1782. De um lado figuras como Moisés, a Arca da Aliança, Adão, Eva, Caim e Abel, Noé, Salomão e David. De outro, o desenvolvimento da civilização grega até Alexandre, O Grande, pintado ao lado de seu mestre Aristóteles.

IMG_4142

A Sala de Teologia apresenta um globo astronômico do século XVII, feito por William Blaeu.

IMG_4143

As relíquias de São Norberto encontram-se nesse mosteiro, aumentando mais ainda o seu prestígio.

Os amantes da arte poderão visitar também a galeria de pinturas (Strahovska obrazarna), cuja coleção inclui a famosa “Madona de Strahov” do século XIV.

Loreto

Foi construído em 1626, encomendado por Katerina Lobkowicz, aristocrata tcheca, que conta a história da Casa da Virgem Maria. Segundo a lenda, a Casa onde O Anjo Gabriel teria anunciado a Maria o nascimento de Jesus fica na cidade italiana de Loreto. Ela teria sido levada por anjos de Nazaré a Loreto em 1278, após ameaça dos judeus da região em destruir a casa. A cópia dessa casa foi realizada em Praga como forma de converter os protestantes ao catolicismo.

IMG_2738

A Assunção da Virgem Maria reproduz a estátua de arenito feita por Jan Bruderle em 1739.

IMG_2753

A Igreja da Natividade apresenta relíquias marcantes, como esqueletos vestidos com máscaras mortuárias de cera.

IMG_2796

A vista da Casa de Maria e seus Jardins é acolhedora.

IMG_2757

O interior da casa de Maria é uma réplica da original, que se econtra em Loreto.

IMG_2771

Andando pela região de HRADCANY encontramos um delicioso restaurante chamado U CISARU, onde provamos o Goulash, uma iguaria típica da região da Hungria e da Boêmia.

IMG_4136

Goulash significa em húngaro comida de vaqueiros, era preparada pelos pastores húngaros com carne de vaca cozida, cebolas, pimentões e cominho. É uma comida popular em todo império austro-húngaro.

IMG_3446

Esse restaurante apresenta um interior decorado com motivos medievais.

IMG_4134

IMG_4135

Esse foi o primeiro Post de Praga, a cidade das ” Cem Torres”.

Carpe Diem!!!

Advertisements

One thought on “PRAGA – A cidade gótica das “Cem Torres” e do fantástico mundo de Franz Kafka

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s